COMO IMPLANTAR NOVAS FERRAMENTAS?


Professor, lá na empresa inventaram de trocar os alicates atuais que exigem desvio do punho por um outro modelo que é mais ergonômico e deixa o pulso neutro, porém, mesmo sendo uma ferramenta melhor os trabalhadores estão reclamando e não querem utilizar e o problema é que já fizemos a aquisição para todas as linhas. Como posso convencer os trabalhadores a utilizarem? Meu filho, não funciona assim. Para a mudança de todo novo equipamento, ferramenta ou mesmo os EPIs, o ideal é que façamos testes para levar em conta a opinião do trabalhador. É comum ocorrer uma resistência inicial e este período de testes servirá para identificar os motivos da resistência. Sempre tento fazer o seguinte: começo os testes com os trabalhadores mais novos nos postos de trabalho, pois, em geral, estes são os que terão menos resistência. Depois dos testes faço uma entrevista em que o trabalhador irá informar quais dificuldades ele teve no uso da nova ferramenta. Implantando este procedimento você consegue identificar os problemas na visão do trabalhador, faz com que o trabalhador seja envolvido no processo de decisão e consequentemente será mais fácil (ou menos difícil) de realizar a mudança. Autor: Mário Sobral Júnior – Engenheiro de Segurança do Trabalho